segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Sobremesas para quem não sabe cozinhar

Como sabem eu estou de férias e esta semana eu e o B. vamos passar uns dias a Barcelona.

Mas não vos abandono nem vos deixo sem novidades.

Por isso preparei esta nova rubrica, Sobremesas Para Quem Não Sabe Cozinhar(e quer surpreender).

Mesmo sem ter jeito para a cozinha podem surpreender os vossos amigos e familiares.

Espero que esta rubrica seja do vosso agrado e para quem quiser pode rever as rubricas anteriores Jantares por 6€ e Receitas para Lanches

 

Mousse 2 sabores.

24072011674

Ingredientes:

- 500ml de natas

- açúcar a gosto

- 2 colheres de sopa de chocolate em pó

- bolacha maria q.b.

- raspas de chocolate

24072011675

Preparação:

Bata as natas com o açúcar a gosto até formar chantilly.

Divida o chantilly em duas partes e numa delas coloque o chocolate em pó. Envolva bem.

Numa tigela coloque metade do chantilly branco.

Por cima coloque metade do chantilly de chocolate.

A seguir coloque a bolacha maria esmagada.

Coloque então o restante chantilly branco e de seguida mas só no meio coloque o chantilly de chocolate.

Decore depois a gosto.

Com raspas de chocolate que pode fazer raspando uma tablete de chocolate com uma faca ou com um descascador.

Pode também colocar amêndoa, cerejas em calda, morangos, um sem fim de coisas.

Leve ao frio até à hora de servir.

Cá em casa foi muito apreciada.

Uma sobremesa fresca, fácil de fazer, que nos dias de maior calor quando a vontade de cozinhar é pouco é um truque muito bom.

Espero que gostem.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Aproveitar tudo o que nos dão e boas promoções

O verão é a minha época do ano preferida. Os legumes, as frutas, o tempo e os dias “grandes” alegram-me de qualquer forma.

E é tão bom a fartura de legumes e frutas que entram pela casa dentro.

Há sempre familiares com alguma produção que nos enchem a cozinha com tomates, feijão verde, pêssegos, curgetes, ameixas, alho francês.

E a fartura de frutas como os morangos, as amoras e as framboesas?

frutas

(imagem retirada da internet)

Com toda esta fartura como não podemos nós aproveitar e encher a arca?

Todos os anos o fazemos, mas visto que a situação económica está cada vez pior nada como aproveitar ainda mais e encher a arca para o inverno que aí vem.

Desta forma temos

- curgete descascada e corta para a sopa,

- feijão verde cortado para sopa,

- feijão verde cortado para salada russa,

- alho francês preparado para sopa,

- 3kg de morangos para sobremesas, batidos por exemplo

- tomates congelados,

- uma quantidade industrial de molho de tomate,

- compota de pêssego nós e para os cabazes de natal,

- pimentos vermelhos, verdes e amarelos para caldeiradas.

 

Esta semana ainda aproveitei uma promoção.

Recebi um cupão de desconto do Continente de 50% em cenouras.

Comprei 6kg. Descasquei e preparei 4kg que congelei para as sopas e 2kg ficaram para o uso diário.

As cenouras estavam a 0,39€/kg e ainda acumulei 50% no cartão.

 

Há quem diga que parece que vamos para a guerra mas são coisas que já não precisamos comprar e que nos fará poupar no Inverno, altura em que os preços aumentam imenso.

O feijão verde e o alho francês por exemplo são legumes que vêm o seu preço disparar na altura do Inverno.

 

Agora tenho uma dúvida, será que posso congelar nabos para a sopa?

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

A belaza do Gerês

Gerês, mais um dos nossos passeios durante as férias do B e dos meus pais e num dos meus dias de folga.
Fomos só os 4 rumo ao Gerês em busca de aventura.
Saímos de casa com alguns destinos que encontramos na internet. Imprimimos todas as informações, fizemos o tradicional “farnel” e lá fomos.
Para nossa grande felicidade o S. Pedro brindou-nos com um dia magnífico de verão. Que alegria.

Fomos então até às cascatas do Rio Arado.
Oh paisagem maravilhosa.
O caminho para lá? Nem vos consigo explicar. Tem tanto de belo como de perigoso, mas no fim vale bem a pena.
O passeio até Ermida, só por si, já compensa.
Pelo caminho encontramos uma pequena raposa. Tão engraçado, os carros tão perto dela e ela não fugia nem nada.
HPIM0428

HPIM0429
As cascatas são lindas. E estava lá tanta gente.
Subimos as escadas até ao miradouro onde se pode ver melhor as cascatas.

HPIM0435

HPIM0439

HPIM0441

Ao ver tanta gente a quase escalar para ver mais de perto as cascatas não resistimos e fomos também.
Não é simples de fazer, mas com calçado adequado é bem possível.
A aventura é fantástica vale bem a pena.

HPIM0456

Partimos das cascatas rumo ao miradouro da Pedra Bela.
Fica relativamente perto, tivemos de voltar para trás um pouco e depois seguir novo caminho mas é perto.
Lá encontramos amoras silvestres. Tão docinhas!!!

A paisagem é algo de tirar a respiração.
Subimos até ao miradouro, os meus pais nem se aproximaram, o B. pouco tempo lá esteve.
Eu sinceramente nem pensei na altura e no perigo. Fiquei lá a apreciar a paisagem.
Sentei-me num banquinho que tem lá e quando dei por mim estava sozinha.
Aqueles momentos ali, com aquela paisagem, o ar que respirei e o facto de me encontrar tão pertinho do céu fizeram-me muito bem.
HPIM0460
24082011058
HPIM0466
HPIM0468
HPIM0469
Miguel Torga, no miradouro da Pedra Bela.
HPIM0472
Na Portela do Homem, local onde é proibido parar, mas onde fomos forçados a abrandar imenso, quase paramos, consegui tirar esta foto:
HPIM0473
É um dia que jamais esquecerei.
Perfeito!!!

sábado, 3 de setembro de 2011

Bolo Folhado com Morangos

Na segunda feira passada todos queriam uma sobremesa para o jantar mas não havia nada feito.

Eu e o B. chegamos a casa de um belo passeio eram 18:00 e coloquei logo mãos na massa.

Acabei por fazer 2 sobremesas, uma delas este belo bolo e a outra será colocada numa semana dedicada a um tema especial.

É um bolo muito simples de fazer, já o vi à venda numa pastelaria a 11€ o quilo.

Um preço exorbitante para um bolo tão simples, fácil de fazer, que fica saboroso é verdade mas também muito económico feito em casa.

Bolo folhado (1)

Ingredientes:

- 1 base de massa folhada rectângular, usei do Lidl

- Natas para bater

- Açúcar a gosto

- Morangos q.b.

Bolo folhado (2)

Preparação:

Cortei a base da massa folha em duas partes iguais e coloquei num tabuleiro.

Levei ao forno a cozer.

Quando a massa já estava cozida coloquei a arrefecer.

Bati natas, não sei a quantidade certa, foi a olho e fui adicionando açúcar também a gosto.

Cortei os morangos, adicionei uma colher de sopa de açúcar e o sumo de um limão, mexer bem e reservar.

Num prato coloquei uma base de massa folhada, cobri com metade das natas e com metade dos morangos.

Coloquei a outra base de massa folhada por cima e voltei a cobrir com as natas e com os morangos.

Polvilhei com amêndoa laminada e coloquei no frio até servir.

Provado e aprovado por todos.

Rápido, fácil, económico e delicioso. Exactamente o que se quer.

Bom apetite e bom fim de semana!!!

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Recebida encomenda da e-mercearia

Mais uma vez obrigado à Lusitana por esta fantástica oferta.´

Adorei!!!

 

HPIM0475

 

Vou com certeza fazer coisas fantásticas que vou partilhar com vocês Alegre